Breve Festival celebra a volta de grandes eventos de música em Belo Horizonte - Palco Pop
Cobertura, Música | Publicado por Juliane de Paula em 10 de abril de 2022.
Breve Festival celebra a volta de grandes eventos de música em Belo Horizonte

A terceira edição do Breve Festival aconteceu neste sábado (09), em Belo Horizonte, no Mineirão, celebrando a volta de grandes eventos culturais na capital mineira, pós pandemia. O festival entregou uma line-up com mais de 20 atrações, com grandes nomes da música como Djonga, Silva, Duda Beat, Ludmilla, Pitty, Ney Matogrosso, Gloria Groove e muito mais.

O festival começou por volta do meio-dia com um pouco de chuva, mas isso não atrapalhou o público que estava animado. O evento contou com quatro palcos: o Breve (Esplanada Norte), Amstel (Esplanada Sul), Radar (G3) e o Breve Club, palco com música eletrônica (Gramado do Mineirão).

Dentre vários artistas que se apresentaram no festival, temos o cantor Djonga que cantou logo no início do evento, no Palco Breve. Com a camisa da seleção brasileira, o rapper mineiro realizou um show de tirar o fôlego.

Durante sua apresentação, além de cantar grandes hits de sucesso, o cantor fez protestos políticos e criticou o presidente Jair Bolsonaro. Além disso, como de costume, o artista ainda contou com a presença de sua família no palco.

Foto: Palco Pop

Também no Palco Breve, o cantor Silva se apresentou logo após o show de Djonga e fez todos cantarem junto com ele suas músicas de sucesso desde o início de sua carreira até as atuais.

Foto: Palco Pop

Duda Beat também animou a plateia com músicas de seu novo álbum “Te Amo Lá Fora”, além de cantar alguns singles de seu disco antigo. O show da artista durou apenas 1 hora, mas foi o suficiente para fazer os fãs dançarem e cantarem em uma só voz.

Foto: Palco Pop

Ludmilla também fez o público dançar ao som de suas músicas de sucesso e não deixou ninguém parado. A cantora mostrou, como sempre, que sua energia é contagiante, com um repertório que foi do funk ao pagode.

Foto: Palco Pop

A cantora Pitty trouxe um show eletrizante com músicas desde início de sua carreira, como “Máscara”, “Teto de Vidro”, “Equalize”, “Teto de Vidro”, “Admirável Chip Novo” e outros hits de sucesso, uma grande nostalgia para o público presente que pulou e gritou muito ao som da cantora baiana.

Além disso, no final de sua apresentação, a cantora chamou ao palco a artista Jup do Bairro, que cantou “Máscara” ao lado de Pitty.

Foto: Palco Pop

Gloria Groove entregou tudo como sempre. A artista cantou hits de sucesso de sua carreira e principalmente canções de seu novo álbum de estúdio “Lady Lest”, como “Bonekinha”, “Vermelho”, “Fogo No Barraco”, “Apenas um Neném”, “Leilão”, “A Queda”, e várias outras.

Além disso, Gloria teve como convidada no palco a cantora Grag Queen, que representou o Brasil e venceu a competição musical do reality show “Queen Of The Universe”, no final de 2021. Em sua apresentação, a cantora aproveitou seu espaço no Breve e cantou seu novo single “Party Everyday”, além da canção “Rise Up”, que levou a artista ao prêmio.

Foto: Palco Pop

Foram mais de 12 horas de show, que também contou com as apresentações de Clara X Sofia, Lamparina, Swing Safado, Luiza Lian, Céu + Tropkillaz, Josyara, Àttooxxá, Gal Costa e Elba Ramalho, Tuyo, Heavy Baile, O Grande Encontro, Mientras Dura e Racionais MC’S que fecharam a noite do festival, além do palco no gramado do Mineirão que contou com grandes nomes da cena nacional e internacional da música eletrônica.

O Breve Festival entregou tudo o que prometeu e trouxe de volta a Belo Horizonte aquela energia boa que o público está acostumado, com muita música e união, celebrando a vida, após tempos difíceis de pandemia. 

Já estamos com saudades e ansiosos esperando a próxima edição!

Deixe um comentário

*

Direitos reservados. Desenvolvido por Lucas Mantoani.