“Madonna Explícita”: Curso online mostra relevância da cantora nas questões de gênero e sexualidade - Palco Pop
Música | Publicado por Leticia Schlemper em 11 de agosto de 2020.
“Madonna Explícita”: Curso online mostra relevância da cantora nas questões de gênero e sexualidade

Madonna se tornou tema de um curso online que se inicia nesta terça-feira (11). O curso tem como finalidade discutir/debater questões de gênero e sexualidade em sua carreira e, também, destaca a sua relevância para as mulheres e a comunidade LGBTQIA+.

“Por meio de discos, turnês e performances avassaladoras, Madonna emancipou mulheres, criou diálogos dentro dos feminismos e posicionou-se na linha de frente dos direitos LGBT quando o ‘pink money’ não era pauta”, afirma o orientador do curso Ali Prando.

O projeto “Madonna Explícita” tem como inspiração o famoso curso “Madonna Studies”, que era oferecido por universidades em todo o mundo nos anos 1990. Então, o propósito é analisar a estética criada pela cantora ao longo de sua obra por meio das lentes fornecidas por Judith Butler, Gayle Rubin, Achille Mbembe e Michel Foucault. Além disso, fala sobre ideias do pós-feminismo, políticas de gênero e (des)identidade.

Em 1980, auge da epidemia do HIV, a cantora foi a primeira grande artista a financiar pesquisas pela cura da Aids. Já nos anos 1990, ela tornou-se pioneira ao escolher apenas dançarinos gays em sua turnê Blond Ambition. Esse momento é documentado no filme Na Cama com Madonna (1991), que mostra as vidas pessoais dos dançarinos.

Também é possível destacar a influência da cantora na moda. Ela descobriu estilistas e lançou tendências esportivas (yoga, parkour e slackline). Além de criar parcerias com artistas das mais diversas áreas sem esquecer a sua própria assinatura.

 “Não é exagero dizer que vivemos na era pós-Madonna. Pois ela misturou o profano e o sagrado, criou o que entendemos como videoclipe. Na música, como quando surfou na onda da new wave ou popularizou a música eletrônica nos anos 1990, e mais recentemente a PC Music. Madonna moldou nosso zeitgeist cultural junto dos maiores produtores, designers, estilistas e fotógrafos, muitas vezes antes mesmo deles acessarem os circuitos mainstream de produção”, diz Prando.

Madonna se aproxima dos 40 anos de carreira e continua sendo referência para as cantoras pop que surgiram nas últimas três décadas.

“Madonna Explícita” contém quatro encontros para discutir suas influências, posicionamentos políticos e interesses.

1 — O voyeurismo é pop (11/08)

2 — Procura-se Butler desesperadamente (13/08)

3 — O Complexo de Medusa (18/08)

4 — Na cama com Che Guevara (20/08)

O curso é oferecido pela plataforma Sympla e custa R$ 100.

Deixe um comentário

*

Direitos reservados. Desenvolvido por Lucas Mantoani.